Monthly Archives: June 2014

E eu não curto sonhar porque acordo cansada

Se seus sonhos estão mais bizarros que o normal, cheios de imagens sexuais, com animais que falam ou fantasmas do passado, os prováveis responsáveis são a progesterona que corre cada vez mais pelas suas veias e a ansiedade e a apreensão com a gravidez e com a perspectiva de se tornar mãe. 

Pois então, taí algo que não esperava.

Semana passada sonhei que eu minha vózinha de 80+ anos queria ir pra uma ilha no litoral do Rio de Janeiro cujo nome ela não lembrava. Eu peguei meu globo, achamos a ilha (pra quê Google Maps) e fomos pra lá num colchão que tinha um motor de lancha, mas voava.
Chegando na tal ilha, que era muito pequena, os colchões falharam e ficaram boiando. Minha vó colocou os pés pra dentro da água, ficou assim uns 5min e falou “Vamos embora?”, mas os colchões não funcionavam mais. Eis que no litoral do Rio, que tinha tipo uns 200m de extensão e era todo um rochedo, morava uma família dos Andes que nos auxiliou com um prato cheio de queijos quente. Estavam bem gostosos :)

Essa noite sonhei que tava terminando um protótipo ao lado do meu chefe/amigo Daniel, e ele não parava de me olhar com estranheza. Perguntei “Que foi?”, que ele respondeu “Tuas sombrancelhas tão horríveis, enormes”. Me olhei no espelho e minhas sombrancelhas pareciam duas taturanas, ou que alguém tinha colado muitos pentelhos no lugar delas. Elas eram grossas e caíam na vista, mas eu não tinha tempo pra arrumá-las e voltei ao trabalho.
Eis que Daniel resolve me segurar e, com uma tesoura, cortar minha sombrancelha à força. Fugi e fiquei boa parte da noite correndo dele, ensandecido querendo aparar minha sombrancelha.